PUB.

Dez toneladas de castanhas roubadas de um armazém em Carragosa, Bragança

PUB.

Seg, 18/11/2019 - 09:24


Cerca de dez mil quilos de castanhas foram roubados de um armazém, em Carragosa, no concelho de Bragança.

Segundo Élio Vaz, o filho do produtor lesado, este roubo corresponde a mais ou menos um quinto da colheita. 

“Roubaram cerca de 200 sacas, o que corresponde a 20 mil euros, mais ao menos. Chegaram aqui ao armazém, meteram cá a carrinha, carregaram e imaginem que aparece o dono? Rebentaram o portão da entrada, meteram o carro cá para dentro, carregaram, saíram e deixaram o armazém todo aberto”, explicou.

Élio Vaz esclareceu que já foi feita queixa à GNR mas não tem muita esperança que os ladrões sejam encontrados porque não há grandes provas.

“Já me ligou um rapaz, que me disse que as três da manhã vinha de Bragança e vinha à frente dele uma carrinha e ele até desconfiou e pensou “o que andam estes a fazer para aqui?””, acrescentou.

Élio Vaz garante ainda que nunca se tinha registado na aldeia um roubo tão significativo.

“Semelhante assim, nunca se tinha passado. Às vezes dá-se por falta de castanhas nos soutos, porque as pessoas roubam. Há dois anos faltaram duas sacas ao meu sogro, mas também era pouca coisa”, disse.

O armazém está localizado a pouco mais de cem metros da aldeia mas, segundo Élio Vaz, ninguém terá dado conta do roubo.

Escrito por Brigantia

Jornalista: 
Carina Alves