Futebol: Há cerca de dois meses que o Macedo treina em pavilhões

Qua, 25/01/2023 - 11:27


O plantel sénior do Clube Atlético de Macedo de Cavaleiros há cerca de dois meses que treina em pavilhões e no ginásio para preparar os jogos.

É que a chuva dos últimos tempos degradou o relvado do Estádio Municipal e o clube tem poupado o terreno de jogo, utilizando o espaço apenas ao domingo para jogos oficiais.

Quanto ao futuro campo sintético, anexo ao relvado do Estádio Municipal, ainda não estão concluídas as obras e o mau tempo tem adiado a colocação do relvado sintético.

José Carlos Afonso, técnico do Macedo, destaca as dificuldades do grupo para treinar tal como das equipas de formação. “Vir ver os jogos e falar sobre os jogos é muito pouco para aquilo que é o sacrifício que a equipa sénior e as equipas de formação fazem para treinar. Ao fim-de-semana vamos a jogo sem pisar a relva durante a semana. É muito difícil treinar cantos e livres, por exemplo, no pavilhão. Há cerca de dois meses que não treinámos aspectos específicos do jogo”.

No entanto, o treinador entende a situação pois estão a ser melhoradas as condições de trabalho do clube. “Este ano por uma causa muito boa temos que fazer este sacrifício, pois vamos ficar com condições excelentes. A equipa tem sido fantástica”.

O campo sintético, antes pelado, tinha um prazo de execução da obra de dois meses, mas a chuva dos últimos tempos adiou a colocação do relvado, como explicou à Brigantia o vereador do desporto do Município de Macedo, Rui Vilarinho.  

400 mil euros é o valor investido pela autarquia para a construção do campo sintético.

No plano desportivo, a formação sénior do Macedo ocupa o quinto lugar da Divisão de Honra Pavimir com 27 pontos.

 

Jornalista: 
Susana Madureira