Confinamento geral entra em vigor esta sexta-feira com coimas mais graves para incumpridores

Qua, 13/01/2021 - 19:00


A partir das 00 horas de sexta-feira, o recolhimento domiciliário volta a ser obrigatório.

Segundo as medidas anunciadas, hoje, as restrições são idênticas às de Março e Abril. Os estabelecimentos estarão fechados, à excepção das escolas. O governo decidiu manter em pleno o funcionamento de todos os estabelecimentos educativos, incluindo universidades. Já os restaurantes terão que fechar e funcionar em regime de take-away ou entrega ao domicílio. Também os espaços culturais estarão encerrados, assim como os cabeleireiros, salões de estética e ginásios. Ainda assim, é permitido fazer exercício físico ao ar livre. Serão proibidos eventos, excepto campanhas eleitorais e celebrações religiosas.  O teletrabalho volta a ser obrigatório, sempre que possível. O primeiro-ministro garantiu que as coimas serão duplicadas para os incumprimentos. Quanto às competições profissionais de futebol mantêm-se, sem público. As medidas económicas vão ser renovadas e alargadas. As empresas que tiverem que fechar poderão recorrer ao Lay-off.

Escrito por Brigantia

Foto: SIC