Basquetebol: Estrelas Brigantinas preparam fase de acesso ao nacional de sub-16 masculinos e maior aposta no feminino

Ter, 24/01/2023 - 11:23


A formação sub-16 masculina dos Estrelas Brigantinas vai disputar a fase de acesso ao Campeonato Nacional de Basquetebol, nos dias 4 e 5 de Fevereiro, com o Gumirães, equipa da Associação de Basquetebol de Viseu.

João Faria, técnico dos Estrelas, antevê dois jogos difíceis. “Vamos jogar com o Gumirães e serão dois jogos mais exigentes”.

Se os brigantinos não conseguirem o apuramento para o nacional de sub-16 masculinos seguem para o Inter-Associações, uma prova organizada pela Associação de Basquetebol do Porto onde vai participar a equipa sub-14.

Mas, é no feminino que os Estrelas Brigantinas centram atenções. Actualmente, o clube tem 11 jovens jogadoras e o objectivo é voltar a entrar em competição. “Estamos a fazer esforços para conseguir juntar uma equipa feminina, seja em sub-16 ou sub-14. Em sub-12 até já está a acontecer isso, se bem que neste escalão pode ser misto. Os jogos que fizemos com as sub-14 e sub-16 já integrámos as jogadoras de sub-12. Temos 11 jogadoras”.

Os Estrelas Brigantinas contam com 61 atletas e num futuro próximo o clube quer voltar a competir em todos os escalões, a semelhança do que já aconteceu no passado. “Temos bons espaços, as horas mais indicadas e mais treinadores qualificados. Creio que estamos a dar uma boa tresposta. Ambicionamos sempre mais, mas sendo realista já foi uma boa vitória”.

O clube tem realizado várias acções de promoção do basquetebol nas escolas, mas cativar os mais novos não é fácil por questões de transporte. “No contacto que nós já tivemos as opiniões dividem-se. Algumas crianças que jogam basquetebol no desporto escolar vivem nas aldeias e no final do horário escolar tem transporte e para casa e não tem hipótese de treinar no clube. Nós não conseguimos garantir transporte, muitas vezes nem para os jogos. Depois há crianças que só querem jogar no desporto escolar”, explicou João Faria.

Este ano, os Estrelas Brigantinas vão voltar a organizar os torneios de street basket de Verão, que servem, acima de tudo, para divulgar o clube. “Em relação o street basket é um evento que serve ara aumentar o conhecimento geral da população em relação ao clube. Normalmente, não resulta em novos atletas, até porque se realiza nas férias e muitas crianças nem estão cá, estão de férias. Mas, serve para promover o clube, para organizar uma competição para os nossos atletas e para convidar e desafiar atletas de outras localidades, isto no escalão sénior”.

O Estrelas Brigantinas surgiu em 2009 na cidade de Bragança. À semelhança de outras colectividades atravessou altos e baixos e soube dar a volta a uma fase crítica provocada pela pandemia que paralisou o desporto. Actualmente conta com 61 atletas e prepara-se para o apuramento para o Campeonato Nacional em sub-16 masculinos e para o Inter-associações em sub-14.

 

Jornalista: 
Susana Madureira