Pais foram avisados que a creche vai fechar amanhã, em Ligares, Freixo de Espada à Cinta

Qui, 08/11/2018 - 10:04


O jardim-de-infância de Ligares, concelho de Freixo de Espada à Cinta vai fechar amanhã. 

A notícia foi recebida nesta segunda-feira através de reunião entre a directora e os pais das crianças. O presidente da junta de freguesia, Ademar Bento diz que a principal razão evocada para o fecho é a falta de dinheiro para manter o espaço que acolhe 6 crianças, mas estranha este facto porque o centro é financiado pela Fundação Monsenhor Júlio Martins, um benemérito que esteve radicado nos Estados Unidos da América e que deixou "a sua fortuna" para custear o espaço.

“A creche foi fundada por Monsenhor Júlio Martins que pagou sempre as despesas. Agora a directora do centro enviou uma carta na sexta-feira passada, a agendar uma reunião para segunda-feira a informar do encerramento do espaço, a partir de sexta-feira não há creche. A razão deve-se à falta de dinheiro, quando nós sabemos que há da Fundação”, referiu Ademar Bento.

O sentimento da população na aldeia é de revolta porque a construção do espaço foi realizada pela população: “porque fomos nós que fizemos a creche e pagamos as obras, assim como doamos o terreno, numa altura que o espaço ainda tinha 60 crianças. Penso que aquilo ainda nos pertence. E agora as crianças ficam na rua e as mães não têm onde levar as das crianças”, acrescentou o presidente da Junta de Freguesia de Ligares.

Ademar Bento garante que é uma perda significativa da aldeia e destaca “que é perder uma coisa que era nossa. E não vamos acatar de boa vontade esta decisão. Os pais neste momento estão muito revoltados”.

O presidente da junta de Ligares garantiu que vai lutar com o fecho da creche e já está a avançar juridicamente. O infantário funcionava há 30 anos.

Escrito por Brigantia

 

Jornalista: 
Maria João Canadas