PUB.

Futebol: Mirandela conquista Supertaça Distrital Sílvio Carvalho

PUB.

Qui, 07/09/2023 - 02:11


O SC Mirandela conquistou, esta noite, a Supertaça Distrital Sílvio Carvalho ao derrotar o Rebordelo por 4-0, um jogo realizado no Estádio Municipal de Macedo de Cavaleiros.

Moubarak colocou o Mirandela em vantagem aos cinco minutos. Na segunda metade, Edilzo marcou de cabeça aos 66', Afonso Souza fez o 3-0 aos 79' e Salvador fixou o resultado em 4-0 aos 90'+5.

É o segundo troféu conquistado pelos alvinegros, esta temporada, depois da Taça Transmontana.

Para André Irulegui, técnico do S.C. Mirandela, é um triunfo justo. “É muito importante para a saúde da equipa ganhar jogos e troféus. É um troféu simbólico para nós e cai bem nesta fase em que estamos bem no Campeonato de Portugal. É merecida a vitória”.

Para este jogo, Irulegui fez várias alterações no 11 inicial. Desde logo na baliza, com Sana Candé a assumir a titularidade. As mexidas serviram para dar um voto de confiança a todos os jogadores. André Irulegui frisa que conta com todos. “Essencialmente para mostrar aos jogadores que confio em todos. O campeonato é longo e vamos precisar de todos. Era arriscado, pois o Rebordelo mostrou que tem uma boa equipa e penso que vai fazer um bom campeonato. Foi uma amostra de confiança que lhes dei”.

O Mirandela marcou cedo, aos cinco minutos, através de Moubarak, o que deu uma dose extra de confiança à equipa. “Marcar cedo é sempre bom, a equipa ganha confiança. Esta é uma equipa muito ambiciosa. Esta época temos quatro troféus para ganhar e dois já cá estão. É sempre bom ganhar. Foi fruto do trabalho diário da equipa e dos treinadores e dos restantes elementos do clube”, destacou o avançado Afonso Souza.

Afonso Souza chegou esta temporada ao Mirandela e marcou frente ao Rebordelo. Foi o primeiro tento do jogador madeirense com a camisola dos alvinegros, sendo por isso especial. “Foi o meu primeiro golo com a camisola do Mirandela e é um sentimento muito bom. É bom marcar e ajudar a equipa a ganhar”.

Tiago Pona, técnico do Rebordelo, já esperava dificuldades frente a uma equipa de escalão superior. O treinador lamenta os erros defensivos. “Não é fácil sofrer um golo ao minuto cinco. Sabíamos que não podíamos facilitar atrás. O Mirandela entra a ganhar num erro nosso. O Mirandela é uma equipa com um poder ofensivo forte e faz pressão alta. Depois, foi andar à procura do prejuízo todo o jogo e foi difícil”.

Apesar da derrota, Tiago Pona gostou da prestação da sua equipa. “Acabámos com duas linhas de quatro e dois jogadores lesionados. Apesar do resultado, saio daqui mais contente do que aquilo que pensava que ia sair. Jogar com uma equipa do Campeonato de Portugal em que perdemos por detalhes e erros. Só tenho de estar contente e olhar com ambição pois o sucesso vai chegar em breve”, concluiu.

Para o Rebordelo segue-se a Taça de Portugal. A equipa de Tiago Pona recebe, no domingo, Os Sandinenses, na primeira eliminatória da competição.

Quanto ao Mirandela folga no domingo, já que ficou isento da primeira ronda da prova rainha do futebol nacional.