PUB.

Notícias

PUB.
A aldeia das Arcas, no concelho de Macedo de Cavaleiros, recebe este fim-de-semana a 5ª edição da Feira dos Produtos da Terra, mais conhecida por Rural Arcas. Apesar de poderem ser encontrados todos os produtos da terra, como o azeite, os enchidos, o vinho e o artesanato, este certame começou há cinco anos com base na caça ao javali.
Dinamizar a cultura, a tradição e a lhéngua, foi com este intuito que um grupo de jovens de Miranda do Douro decidiu juntar-se e criar a associação recreativa da juventude mirandesa.
A partir de amanhã os concelhos do Douro Superior vestem-se de rosa e branco. Começa a época das “Amendoeiras em Flor”. Até 23 de Março as quatro vilas que compõem a Associação de Municípios do Douro Superior - Mogadouro, Freixo de Espada à Cinta, Torre de Moncorvo e Vila Nova de Foz Côa - unem esforços na criação de um programa atractivo para quem os visita nesta altura do ano.
É mais um caso de burla na região. Um idoso de 75 anos foi assaltado ontem de manhã, em Macedo de Cavaleiros, bem no centro da cidade, levaram-lhe 10 mil euros. Ao que parece o idoso, natural de Gradíssimo e agricultor de profissão, tinha sido confrontado na véspera por dois indivíduos, num café de Macedo, para vender azeite.
O presidente da câmara de Bragança desafia o Governo a isentar as empresas do interior do pagamento de IRC durante 10 anos e descer o IRS para metade do valor. Um repto lançado ontem à noite numa gala de homenagem às empresas do concelho, integrada nas comemorações dos 544 anos da cidade de Bragança.
Foi adiado para data incerta o julgamento do processo do sino da igreja de Pegarinhos, em Alijó. O caso opõe um médico à maioria dos cerca de 600 habitantes da aldeia por causa do ruído do sino e da aparelhagem da igreja.
O Instituto Politécnico de Bragança pode vir a fazer parte de uma grande instituição de ensino superior politécnico a nível regional. Os Institutos Politécnicos do Norte do país estão a reunir esforços para a constituição de um consórcio, que na prática representa uma escola com cerca de 30 mil alunos e 1500 professores.
 Aí está o primeiro dicionário ilustrado de mirandês. Intitula-se “Las mies purmeiras palabras an mirandes” e surge para comemorar o dia internacional da língua materna que hoje se assinala. A iniciativa parte do centro de estudos António Maria Mourinho, em Miranda do Douro, em colaboração com os professores da segunda língua oficial de Portugal.
Bragança e Vila Real são os dois concelhos transmontanos com melhor qualidade de vida. É a conclusão do Observatório para o Desenvolvimento Económico e Social da Universidade da Beira Interior, que analisou 278 municípios de Portugal Continental. Quanto mais industrializados são os municípios, melhor é a qualidade de vida. Bragança e Vila Real aparecem depois do centésimo lugar.