PUB.

Notícias

PUB.
A partir de hoje o distrito de Bragança vai ter ao dispor mais meios para fazer face aos nevões. No total são seis os limpa-neves com que o distrito pode contar. Dois deles foram já disponibilizados pela concessionária da futura auto-estrada transmontana.  
O presidente da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Bragança (ACISB) duvida que o comércio tradicional local venha a beneficiar dos mil milhões de euros anunciados pelo Governo de apoio ao sector.  
Apenas a câmara de Bragança mostrou disponibilidade para absorver três dos 17 funcionários do Gabinete de Apoio Técnico de Bragança que encerrou na semana passada. Para além deste concelho, o GAT prestava ainda apoio às câmaras de Miranda do Douro, Vinhais e Vimioso.  
Uma idosa de Santulhão, concelho Vimioso, sofreu queimaduras graves depois de ter caído à lareira da sua própria casa. A gravidade das queimaduras obrigou a que a septuagenária tivesse de ser transferida pelo helicóptero do INEM para um hospital de Lisboa.  
As associações juvenis do distrito de Bragança receberam alguns esclarecimentos sobre os programas de apoio ao associativismo promovidos pelo Instituto Português da Juventude. Em 2008 as associações do distrito arrecadaram cerca de cem mil euros de apoio do IPJ.  
Dar a   quem precisa não apenas uma vez por ano, mas sim todos os meses. Este o principal objectivo que levou à criação do Banco Solidário em Mirandela. Esta nova resposta social da Santa Casa da Misericórdia de Mirandela, em parceria com o Banco local de Voluntariado da Câmara Municipal, consiste em colocar à disposição da população mais carenciada valências de apoio à pobreza e à exclusão social.  
Os primeiros troços da Auto-Estrada Transmontana vão abrir ao trânsito dentro de dois anos e um ano antes da conclusão de toda a obra. O anúncio foi feito, na passada quarta-feira em Bragança, pelo ministro das Obras Públicas durante a cerimónia de concessão da A4 ao consórcio vencedor do concurso público lançado há um ano.  
Quem não está muito satisfeito com a melhoria das acessibilidades rodoviárias na região é um grupo de habitantes e comerciantes de Vimioso que esta quarta-feira estive presente no castelo de Bragança, onde decorreu a cerimónia de concessão da A4.  
A Auto-estrada Transmontana vai beneficiar directamente os concelhos de Amarante, Vila Real, Sabrosa, Murça, Alijó, Mirandela, Macedo de Cavaleiros e Bragança abrangendo cerca de 250 mil habitantes. O dia da concessão da A4 era há muito esperado pela população e autarcas locais.