Notícias

Macedo de Cavaleiros acolhe no próximo fim-de-semana, dias 06 e 07, o “I Encontro Turístico de Automóveis Antigos”. Esta é a primeira vez que se organiza um evento do género no nordeste transmontano, com um cartaz que reúne um Passeio de Automóveis Antigos, uma Exposição e um Leilão de clássicos.
A Ford lançou em Portugal o primeiro desafio virtual. Ícones é um Reality Show onde os candidatos contam com o carisma e os amigos para ganhar o novo Fiesta.
Em caso de catástrofe, o Centro Hospitalar do Nordeste está preparado para reagir. O simulacro já foi feito e no caso do acidente da linha do Tua, deu-se a confirmação, pois segundo a administração, tudo funcionou. No que diz respeito ao Plano de Segurança Interna, que é o caso de incêndio, Macedo de Cavaleiros está preparado, Mirandela também. Bragança aguarda pelo final das obras para elaborar o plano de segurança.  
As piscinas públicas de Alfândega da Fé podem não abrir no próximo verão. A ARA (Associação Recreativa Alfandeguense) que está a cargo das piscinas admite não abrir o equipamento na próxima época balnear se não tiver apoios da câmara local que garantam a qualidade da água.  
Os habitantes de Ribeirinha e Vilarinho das Azenhas, no concelho de Vila Flor, viram as suas possibilidades de deslocação diminuídas com a interrupção das viagens do Metro de Mirandela, entre o Cachão e o Tua. Uma interrupção, recordo, motivada pelo acidente de uma carruagem do Metro, no passado dia 22 de Agosto, próximo da estação da Brunheda.  
As camas das unidades de pediatria dos hospitais de Bragança e Mirandela dispõem das condições de segurança necessárias, de forma a evitar possíveis estrangulamentos das crianças. 
Em Outubro poderá vir a ser assinado o protocolo de Gestão Integrada da Cidadela de Bragança. A Junta de Freguesia de Santa Maria, que tem impulsionado este processo, já apresentou uma proposta ao IGESPAR e espera que ela seja aprovada em breve para poder ser assinada na Comemoração do Dia Nacional dos Castelos.    
A destruição ronda os 100%. Pouco ou nada se aproveita nas culturas de Grijó. A aldeia de Macedo de Cavaleiros viveu momentos de aflição na passada quinta-feira. Uma tromba de água abateu-se sobre a localidade e a zona da serra de Bornes causando inúmeros estragos em habitações. Agora verifica-se também que a produção agrícola foi seriamente afectada.  
Vêm aí dias difíceis para as empresas ligadas à maçã, em Carrazeda de Ansiães. A poucos dias da colheita deste ano já deu para perceber que os prejuízos, na maior parte dos pomares, se situa entre os 90 e os 100 por cento. Duas intempéries de granizo, em Maio e em Junho, deitaram por terra uma campanha promissora, relegando a fruta para a produção de concentrados, onde o quilo é pago a cerca de quatro cêntimos.