Notícias

Os comerciantes da Avenida das Amoreiras, em Mirandela, estão descontentes com a localização dos novos contentores subterrâneos do lixo. Apesar de serem mais modernos, menos agressivos em termos de estética e de cheiros, não convencem os comerciantes que não os querem à porta dos seus estabelecimentos.
Em duas mil crianças há 600 que sofrem de obesidade ou têm excesso de peso. Este foi o resultado de um estudo sobre a obesidade infantil realizado em Bragança, por um grupo de docentes do Instituto Politécnico.  
A sede do PSD em Bragança está a ser recuperada. O edifício situado no centro da cidade está a ser recuperado graças a uma parceria entre o partido e o proprietário do imóvel.
A actual rede de ambulâncias discrimina a população do interior. A denúncia parte da Liga de Bombeiros Portugueses que ontem entregou um memorando ao INEM – Instituto Nacional de Emergência Médica – sobre as necessidades dos serviços de socorro.
A estrada que liga Macedo de Cavaleiros ao Pontão de Lamas está a preocupar o presidente da concelhia socialista de Macedo, devido aos vários acidentes que ali têm ocorrido.
Uma exploração ovina na serra de Bornes terá sofrido um ataque de lobos. Num rebanho de vinte e sete ovelhas, 12 foram mortas e as restantes ficaram feridas. Tudo aconteceu na madrugada de domingo, mas o proprietário só deu conta de manhã quando foi ao local.
Um homem de 70 anos de idade teve um acidente com um tractor agrícola e só teve assistência médica, mais de 19 horas depois. Ferido, o idoso natural de Carviçais, ainda teve de percorrer mais de quatro quilómetros, entre a meia-noite e as nove da manhã, para pedir ajuda. É uma história com um final feliz. 
  Dois mortos e quatro feridos ligeiros é o resultado de uma colisão frontal entre duas viaturas no IP4. O acidente aconteceu ontem, às 15h40m, ao quilómetro 202 na zona do Remisquedo, perto de Bragança.  
A unidade de AVC de Macedo de Cavaleiros, do CHNE (Centro Hospitalar do Nordeste) comemora, esta segunda-feira, mais um Dia Nacional do Acidente Vascular Cerebral. Depois de Macedo e Bragança, é a vez de Mirandela ser o palco das comemorações. A doença continua a ser a principal causa de morte da região, mas as evoluções são garantidas, desde que foi criada esta unidade em 2005.