Três investigadoras do Centro de Investigação de Montanha fazem parte da lista mais citada a nível mundial

Sex, 30/11/2018 - 08:26


O IPB tem mais uma investigadora na lista de investigadores mais citados a nível internacional. A Isabel Ferreira, Lilian Barros junta-se Letícia Estevinho.

Isabel Ferreira, é nomeada pela quarta vez nesta lista. A engenheira bioquímica e também directora do Centro de Investigação de Montanha há cerca de dois anos, salienta que manter-se nesta lista é um desafio constante.

“É o reconhecimento de muito trabalho que tem sido feito desde há vários anos. Para um cientista é muito importante quando partilhamos os nossos resultados com a comunidade científica e que o nosso trabalho seja considerado pelos nossos pares e sobretudo seja recomendado. A primeira vez que fui reconhecida há 4 anos, o impacto foi enorme, hoje em dia fico muito feliz porque consigo manter-me nesta lista, uma vez que o investimento em ciência, em termos mundiais vai aumentado e cada vez mais há mais talentos que vão surgindo em todo o mundo”, destacou Isabel Ferreira.

Isabel Ferreira foi nomeada em duas áreas científicas diferentes, nas ciências agro-alimentares e em toxicologia.

Lilian Barros é outra das nomeadas neste ranking mundial. A primeira aluna de doutoramento de Isabel Ferreira, refere que este é o reconhecimento do trabalho desenvolvido.

“É uma validação do nosso trabalho que estamos a fazer ao longo do tempo. Quer dizer que estamos a ser reconhecidos a nível mundial. Os nossos trabalhos estão a ser utilizados por outros investigadores para fazerem trabalhos nesta aérea. Isto é muito importante porque valida todo o trabalho científico”, disse Lilian Barros.

Letícia Estevinho foi outra das contempladas. A investigadora em microbiologia e em biotecnologia destaca que a sua investigação em hidromel foi inovadora: “esta distinção é muito boa, do ponto de vista pessoal e profissional. Acho que somos inovadoras em produção de hidromel e tem contribuído muito para serem muito citadas porque a produção estava a ser feita de uma forma empírica, e agora começou a ser feita de uma forma mais rigorosa e científica. Considero que fomos nós os pioneiros”.

Na lista de investigadores mais citados, a nível internacional figuram 14 portugueses.

Este ranking mundial, com base no número de citações por artigos publicados nos últimos dez anos, reconhece os investigadores mais influentes do mundo. A lista foi divulgada pela Clarivate Analytcs e foram seleccionados cerca de 6 mil investigadores de várias partes do mundo.

Escrito por Brigantia 

 

Jornalista: 
Maria João Canadas