Presidente da câmara de Moncorvo lamenta a falta de soluções para o troço de estrada entre a Vilariça e o Pocinho

Ter, 06/06/2017 - 12:23


Continua por resolver a questão da ligação entre a Vilariça e o Pocinho e a sua integração no traçado do IP2, que anda a ser arrastada por burocracias e porque não está decidido por onde deve passar a via.

Nuno Gonçalves considera que este problema deveria ser resolvido, porque “o IP2 é a ligação essencial para todo o interior do país” e devem ser por isso garantidas as melhores condições de circulação ao longo de toda a via. “O meu antecessor dizia que o verdadeiro eixo que ligaria o interior de Portugal era o IP2 e eu concordo com ele e efectivamente assim é porque o que temos com a A4 é novamente os eixos citadinos e não os eixos das vilas”, sublinha o autarca. 
O presidente da câmara defende que a proximidade de toda a região transmontana com Espanha, coloca este território no centro do mercado ibérico “agora quando nós próprios não conseguimos dar uma solução para o traçado, porque não nos entendemos, qualquer um que esteja no poder central esfrega as mãos de contente porque se as autarquias não se entenderem não vai ser o poder central que vai decidir” explicou o presidente da autarquia Moncorvense, salientando que lamenta o impasse e espera o assunto seja resolvido brevemente.  Escrito por Brigantia

Jornalista: 
Débora Lopes