Município de Mirandela abdica do orçamento participativo

Qua, 14/02/2018 - 09:23


O executivo do Município de Mirandela vai abdicar, este ano, do Orçamento Participativo, apesar de ter uma verba de 150 mil euros, inscrita no plano e orçamento de 2018.

“O orçamento participativo Municipal teve nos anos de 2015/2016 e 2016/2017 seis projectos vencedores e só dois deles é que foram implementados. Como a cada projecto foi atribuído uma verba de 50 mil euros, perfaz que ficam a faltar 200 mil euros que têm de ser executados durante ainda este ano e que o executivo está a fazer todos os esforços para serem executados. Por isso somos obrigados a abdicar deste orçamento participativo 2018/2019 para que possamos cumprir perante todos os munícipes e perante os vencedores os encargos com os projectos que não foram executados. Por executar encontram-se um projecto do património histórico, a construção do ginásio ao ar livre, a requalificação do parque infantil em Torre Dona Chama, a aquisição de equipamentos de protecção individual para os Bombeiros de Torre Dona Chama e a também a construção de 3 campos de ténis em Mirandela”, esclareceu Júlia Rodrigues, autarca de Mirandela

Os vencedores dos quatro projectos, em falta, estão a ser contactados para uma audiência de esclarecimento uma vez que, adianta Júlia Rodrigues, segundo os regulamentos deste concurso, o último Orçamento Participativo deveria ter sido executado até ao final do primeiro semestre de 2017.

“Vamos executá-los durante este ano, abdicaremos este ano perante do orçamento que temos, que são 150 mil euros para o orçamento participativo, portanto já estamos aqui com um défice de 50 mil euros, para cumprir os encargos que tínhamos. Nós vamos cumprir com os vencedores do orçamento participativo e que estava assumido pelo Município”, sustenta Júlia Rodrigues.

O município de Mirandela vai abdicar do Orçamento Participativo 2018/2019 para poder cumprir todos os encargos financeiros dos quatro projectos que não foram executados nos anos anteriores. Os únicos dois projectos executados foram a aquisição de uma ambulância de socorro para os Bombeiros de Torre de Dona Chama e a construção de um Parque Gerações que se trata de um parque de lazer e desporto para crianças, adultos e seniores, em Mirandela.
Escrito por: Terra Quente