PUB.

Irmãos brigantinos criaram página para ajudar idosos que não podem sair de casa devido ao coronavírus

PUB.

Qua, 25/03/2020 - 09:47


Para além de apoio aos grupos de risco e a pessoas isoladas por parte de autarquias e outras instituições, surgem também na sociedade civil iniciativas solidárias.

Através de uma página do Facebook (Covid-19: Bragança Solidária) dois irmãos de Bragança começaram a oferecer ajuda a quem não pode nem deve sair de casa. Fazem entrega de compras de bens essenciais e de medicamentos, tanto na cidade como em aldeias do concelho.

“O mais recorrente são as idas ao supermercado para bens essenciais, como pão, leite, carne, peixe. Paralelamente, também as idas à farmácia”, explicou Catarina Gonçalves uma das promotoras do projecto.

Catarina é médica interna, desde Janeiro trabalha no Hospital de Bragança. Durante as entregas também são muitas vezes deixados conselhos e esclarecimento relacionados com a doença

“Claro que essas pessoas estando mais isoladas não chegam até nós através dessa página. Normalmente o contacto chega pelos familiares, que tomaram conhecimento da página e estão preocupados e longe e agora não vêm cá com risco de contaminar os seus familiares”, acrescentou.

Neste momento, são já 12 os voluntários do projecto e as solicitações são muitas.

Para além de entregar compras e reunir e divulgar informação sobre a doença, o grupo procura também ajudar os profissionais de saúde.

“Tentamos ajudar profissionais de saúde, nomeadamente a ver ofertas de casas onde eles possam viver nesta altura, porque muitos querem e preferem não estar em casa com risco de contaminar as famílias. Também recolhemos material, como luvas e máscaras”.

Já foi feita esta semana uma entrega de material de protecção individual no hospital de Bragança, mas o grupo de voluntários vai continuar a recolher mais.

Escrito por Brigantia

Jornalista: 
Olga Telo Cordeiro