Concentração motard animou a cidade de Bragança

Dom, 13/08/2017 - 17:26


Bragança recebeu, ontem, cerca de três mil motards na XXVII Concentração Internacional. 

A organização continua a apostar nos espectáculos de freestyle para atrair visitantes. O acrobata Ricardo Domingos foi o cabeça de cartaz do programa da festa motard.
Este ano, o Moto Cruzeiro apostou na divulgação do evento um pouco por todo o país e segundo Jorge Pereira, responsável pela secção de Moto turismo, surtiu efeito.
“Tivemos aqui motards de Lisboa, Alfena, Penafiel, Braga entre outras localidades. Este ano mandámos convite para todas as associações motards de Portugal e para algumas em Espanha e deu resultado”.
Jorge Pereira destaca o crescimento da concentração nos últimos quatro anos e a participação de vários motards estrangeiros.
“Este ano vieram vários espanhóis e temos muito ingleses. A concentração está crescer. O ano passado tivemos cerca de cinco mil pessoas, entre motards e visitantes, e este ano os número são idênticos”.
A presença de motards espanhóis na Concentração internacional de Bragança foi notória.
“É a primeira vez que venho à Concentração de Bragança. Viemos ver como é o ambiente e estamos a gostar”, referiu Clara, motard vinda de Ourense, Espanha.
Animação não faltou. De Braga veio o grupo Má Vontade, mas foi com vontade e espírito motard que viajaram até Bragança.
“Já viemos a Bragança várias vezes. Viemos todos de Braga. Porque que é que o nosso grupo se chama Má Vontade? Olhe para a cara deles e veja se alguma vez chegamos todos a um acordo. Temos todos vontade de estar juntos, mas nunca chegamos a um acordo”, disse Paulo Sousa, responsável pelo grupo motard, em tom de brincadeira.
O ponto alto da XXVII Concentração Internacional de Bragança foi o passeio nocturno, realizado ontem, que reuniu mais de três mil motards.
A concentração terminou este domingo com um almoço convívio.

 

Jornalista: 
Susana Madureira