Agrupamento Europeu critica Cimeira Ibérica por ter ignorado ligação Bragança e Léon

Qua, 05/12/2018 - 10:36


O Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial (AECT) León Bragança aprovou uma moção para reivindicar a ligação por via rápida entre Bragança e León através da Puebla de Sanabria.

A Assembleia Geral esteve reunida ontem em Bragança e decidiu aprovar uma posição de descontentamento depois de a Cimeira Ibérica ter ignorado esta ligação há muito pedida, como destacou o presidente da câmara de Bragança, Hernâni Dias. “Manifestamos a preocupação e descontentamento para com esta situação uma vez que a ligação não foi sequer referenciada nas conclusões da Cimeira Ibérica com grande preocupação nossa, uma vez que tem vindo a ser uma infraestrutura rodoviária reivindicada desde há muito tempo e quando se fez uma cimeira ibérica no território teria toda a lógica que houvesse uma referência no sentido de se avançar”, referiu.

O presidente da Diputacion de Leon, Juan Martínez Majo, afirma que esta ligação iria poupar 70 km ao percurso entre o Porto e León em Espanha. “É um ligação muito importante entre León e a região norte de Portugal, nomeadamente Bragança, potenciando as oportunidades que possam surgir, perante o posicionamento geográfico que as duas regiões dentro dos respectivos territórios. A infraestrutura pouparia cerca de 70 quilómetros de distância, seria importantíssima para as comunicações, mercadorias e isso significaria também uma poupança em combustível e no impacto no meio ambiente”, destaca.

A declaração vai ser entregue aos governos dos dois países, instando-os a tomar as medidas necessárias para que esta conexão se concretize.

Ontem em Bragança foi ainda apresentado o plano de actividades do agrupamento territorial, que segundo avança Hernâni Dias, tem em destaque projectos no primeiro sector.

A acessibilidade digital e a promoção de encontro empresarial são outras das vertentes do plano de actividades do Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial (AECT) Leon Bragança. Escrito por Brigantia.

Jornalista: 
Olga Telo Cordeiro